Túnel do Marão

Túnel do Marão

  • Caracterização
  • Caracterização

    O Empreendimento do Túnel do Marão insere-se na denominada Estrada Europeia 82 - E82, que se inicia no Porto (em Matosinhos) prolongando a autoestrada A4 até Bragança e Espanha.

    O total do lanço para a conclusão global da A4 tem uma extensão total de 26km, dos quais 5667m correspondem ao Túnel do Marão que é constituído por dois túneis paralelos, perfazendo um total de 11 335 m de túnel, que atravessa a Serra do Marão no sentido aproximado Oeste / Este fazendo deste o maior túnel rodoviário da Península Ibérica.

    A primeira fase dos trabalhos de escavação do Túnel do Marão teve o seu início em Julho de 2009 e foi definitivamente suspensa em Julho de 2011, altura em que se encontravam praticamente concluídos os dois emboquilhamentos e escavados cerca de 7340 m no total das duas galerias.

    Em Fevereiro de 2014, foi lançado um novo concurso para o projeto e construção dos trabalhos necessários à conclusão do túnel, tendo saído vencedor o Consórcio Teixeira Duarte/Epos tendo como projetista a Cenor Consultores, SA (atual TPF Planege Cenor). Os trabalhos foram retomados em Outubro de 2014.

    Dado o significativo tempo de paragem dos trabalhos da primeira empreitada, foi necessário desenvolver um estudo específico das condições de segurança em todo o túnel entretanto escavado. Este aspeto em associação com as características dos terrenos ocorrentes e com um prazo de execução extremamente reduzido, constituíram enormes desafios ao desenvolvimento do projeto.

    A secção transversal corrente de cada um dos túneis foi definida de modo a assegurar uma área útil mínima de 97,50 m², de modo a garantir que, em fase de exploração, a altura útil mínima seja de 5,00 m, garantindo a inserção de duas faixas de rodagem para cada sentido de tráfego.

    O túnel foi aberto pelo método da escavação sequencial convencional NATM recorrendo a explosivos e a equipamento de escavação pesado. Os suportes primários instalados materializaram-se através da aplicação de um revestimento em betão projetado de espessura variável em função das características geomecânica e hidrogeológicas do maciço atravessado, incorporando fibras metálicas ou redes electrossoldadas, e associado a pregagens ou a cambotas treliçadas.

    O revestimento definitivo contemplou uma secção de betão armado com espessura constante de 0,35 m, sendo fundado em sapatas com 0,45 m de espessura. Nas zonas piores do terreno previu-se a execução de uma soleira para o fecho da secção

  • Intervenção
  • Intervenção

    Projeto Base para Concurso e elaboração do processo técnico da proposta BAFO (best and final offer).
    Elaboração do Projeto de Execução e Assistência Geotécnica permanente durante a construção do Túnel.

  • Dados Gerais
  • Valor da Obra
    88.1 Milhões €
  • Data de Realização
    de 2009a 2015
  • Local
    Amarante
  • País
    Portugal
  • Cliente
    Teixeira Duarte Construções, S.A / EPOS – Empresa Portuguesa de Obras Subterrâneas, S.A.
  • Imagens
  • Imagem 1
    Túnel do Marão
  • Imagem 2
    Túnel do Marão
  • Imagem 3
    Túnel do Marão
  • Imagem 4
    Túnel do Marão